As vendas de imóveis residenciais novos cresceram 52,1%, na cidade de São Paulo, no primeiro semestre, para 12.001 unidades, segundo o Secovi-SP divulgou hoje. O Sindicato da Habitação projeta alta de vendas de 10% a 17% no acumulado de 2018, para 27 mil unidades.

De acordo com o Secovi-SP, o desempenho de vendas de janeiro a junho foi o melhor entre os intervalos equivalentes desde 2013. De 2004 a 2018, a média histórica de comercialização do primeiro semestre foi de 12.400 unidades.

Dados da Empresa Brasileira de Estudos de Patrimônio (Embraesp) divulgados pelo Secovi-SP apontam que os lançamentos aumentaram 4% na cidade de São Paulo, no primeiro semestre, para 8.068 unidades. O SecoviSP estima queda de 8% e 10% de lançamentos no acumulado do ano, para 28 mil unidades.

No fim de junho, havia 17.558 unidades disponíveis para venda na capital paulista ? 21% na planta, 67% em construção e 12% prontas.


Fonte: Valor - Empresas, por Chiara Quintão, 15/08/2018