Notícias

Em uma análise rigorosa, seria inapropriado o uso de medida provisória para legislar sobre relações trabalhistas.

Fonte: Folha de São Paulo - Editorial , 17.11.2017

O nível de emprego na construção civil teve a terceira variação positiva seguida em setembro, segundo o Sinduscon-SP (do setor).

Fonte: Folha de São Paulo - Mercado Aberto, por Maria Cristina Frias, 17.11.2017

Uma resolução do CMN (Conselho Monetário Nacional) sobre investimentos dos regimes de previdência de servidores pode diminuir a rentabilidade dos fundos e os forçar a aumentar a alíquota descontada de funcionários.

Fonte: Folha de São Paulo - Mercado Aberto, por Maria Cristina Frias, 17.11.2017

Das 27 unidades da federação, sete apresentaram redução estatisticamente significativa da taxa de desemprego no terceiro trimestre deste ano, mostrou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Fonte: Valor - Macroeconomia, por Bruno Villas Bôas, 17.11.2017

As incorporadoras de capital aberto elevaram de forma acentuada os lançamentos e vendas de imóveis no terceiro trimestre, ante um ano atrás.

Fonte: Valor - Empresas, por Chiara Quintão, 17.11.2017

O ambiente no qual a reforma da previdência voltou a ser discutida vem se deteriorando.

Fonte: Valor - Opinião, 17.11.2017

A Medida Provisória (MP) nº 808, que regulamentou a lei da reforma trabalhista (Lei nº 13.467) deixou mais claro que as alterações promovidas com a norma valem para todos os contratos vigentes.

Fonte: Valor - Legislação, por Adriana Aguiar, 17.11.2017

No feriado da Proclamação da República foi publicada lei que altera as regras do ISS na capital paulista.

Fonte: Valor - Legislação, por Laura Ignacio , 17.11.2017

Empresas que romperam contratos recentemente por falta de pagamento e devem receber indenização de seguro contratado para cobrir esses prejuízos não precisam mais se preocupar com a tributação desses valores.

Fonte: Valor - Legislação, por Adriana Aguiar, 17.11.2017

O número de empresas de alto crescimento encolheu pelo terceiro ano consecutivo no país em 2015 ? e, novamente, num ritmo mais intenso que o total de empresas ativas no país.

Fonte: Valor - Macroeconomia, por Bruno Villas Bôas, 17.11.2017